51 3489.2100

A Olimpo apresenta soluções de limpeza com base em 4 pilares

A importância e influência da reciclagem do lixo

 

Muito tem se debatido sobre reciclagem nos últimos anos, causando uma reflexão sobre a importância e influência da reciclagem do lixo, ou até mesmo uma reflexão sobre o que é realmente considerado lixo. Neste texto vamos ajuda-lo a diferenciar os tipos de reciclagem e a influência que ela gera na sociedade.

 

O que é reciclagem?

A reciclagem de lixo, primeiramente consiste em transformar um produto usado em um item completamente novo. A reciclagem é a capacidade de transformar um recurso que era considerado inutilizável. É reutilizar o material dando-lhe novo significado, como garrafas pet, que já podem ser transformadas em tecido.

 

Qual é a importância de reciclar?

A reciclagem de lixo ganha cada vez mais importância quando verificamos os danos causados ao planeta Terra por décadas sem conscientização ambiental. A ideia de reutilizar recursos já existentes é recente, diferente de nossa pegada ambiental de um passado de excesso.

Outro fator importante da reciclagem é a geração de empregos. Uma indústria de reciclagem pode movimentar o mercado de trabalho gerando emprego para muitas pessoas. Além disso, são inúmeros os trabalhadores que exercem sua função com material reciclado de forma informal.

 

O que é coleta seletiva?

A coleta seletiva busca separar e armazenar os resíduos que podem ser reutilizados, distinguindo-os e agrupando os similares.

A coleta seletiva pode ser feita de várias formas, e pode depender muito do local (município) que você se encontra ou regras impostas pelo governo da cidade/estado.

Pode também ser incentivada em âmbito particular, como por exemplo, em condomínios, onde pode-se criar campanhas de reciclagem ou instruir as pessoas responsáveis pela separação para que a façam de maneira correta antes dos resíduos chegarem ao container municipal.

Ou você mesmo pode fazer a separação e reutilizar em forma de artesanato aqueles resíduos que seriam dispensados no lixo comum.

 

Diferença entre os tipos de lixos

Existe no Brasil uma política nacional de resíduos sólidos que julga as formas de reciclagem, visando a melhoria nos procedimentos adotados pelas empresas e cada cidadão envolvido.

Vale lembrar que a reciclagem é diferente da reutilização (processo em que o resíduo é utilizado para outro fim) e da redução (procedimento que visa a diminuição do consumo), porém ambos integram parte do processo de coleta seletiva.

Um exemplo claro para essa diferença é quando você vai reciclar uma lata de alumínio: o material final do processo de reciclagem pode ser usado para fazer novas latas ou outros objetos do mesmo material.

Se você decidir fazer um porta canetas com a lata de alumínio você passou a reutilizar o material. Se derreter o alumínio e o transforma-lo em um chaveiro, vai reciclá-lo. Agora, se por algum motivo, você optar em não comprar produtos com latas de alumínio, isso faz parte do processo de redução. Viram como é simples?

Tudo o que consumimos faz parte de um material considerado resíduo. Portanto, as garrafas pet, as latinhas de cerveja, as embalagens de papel ou papelão, o vidro de azeite, o jornal, as embalagens de shampoo, entre outras coisas, se transformam em resíduos sólidos e podem ser reciclados.

Para diferenciar os tipos de lixos existe a coleta seletiva, de acordo com cores pré-estabelecidas descarta-se o material. Cor verde para vidros, azul para papel, vermelho para plástico, marrom para resíduos orgânicos e assim por diante. A distribuidora de materiais de limpeza Olimpo, disponibiliza os sacos de lixo coloridos de coleta seletiva e as lixeiras de coleta seletiva, contribuindo eficazmente nessa tarefa tão importante para a sociedade e natureza.

Existem ainda, alguns materiais que são específicos e precisam de uma manejo cauteloso para o descarte, como: pilhas, baterias, remédios e resíduos médicos e hospitalares. Para estes, também existem as cores específicas como o branco para descartes da área de saúde e roxo para os radioativos.

 

Como fazer o descarte?

Antes de falarmos dos materiais comuns de descarte que são papel, plástico, vidro, alumínio e orgânico, explicaremos como é o procedimento de descarte dos materiais não convencionais citados acima.

Resíduos hospitalares devem ser descartados em local específico e retirados por uma equipe especializada com uso de EPI, para que não haja contaminação do ambiente, funcionários e população em geral.

Geralmente esse tipo de resíduo é feito semanalmente por empresa especializada de limpeza hospitalar. Para os remédios, principalmente vencidos, há locais de coleta específicos como os próprios postos de saúde local de cada município. A população pode comparecer até o posto e descartar os seus medicamentos sem restrições conforme o próprio plano nacional orienta.

As baterias e pilhas possuem pontos de descarte em vários estabelecimentos como lojas, escolas, shoppings, etc. Assim fica mais fácil o acesso e descarte correto desse tipo de produto.

Mesmo caso para as lâmpadas queimadas. Procure um meio de descarte correto de lâmpadas, pois estas são extremamente nocivas ao meio ambiente.

Para materiais de baixa periculosidade, utilizados no dia a dia, basta coloca-los conforme a seleção e a cor adequada de saco de lixo na lixeira de sua casa ou trabalho e aguardar a coleta seletiva de sua cidade recolher.

Abaixo, traremos uma tabela com as cores de acordo com os materiais que podem ser descartados em cada uma. A mesma ainda informará o tempo de decomposição de cada material residual.

MATERIAL COR EXEMPLOS TEMPO DECOMPOSIÇÃO
Plástico Vermelho Sacolas de supermercado, embalagens Pet Mais de 100 anos
Papel Azul Folhas de ofício, caixas de papelão Em torno de 6 meses
Metal Amarelo Latas de refrigerante, embalagens, pregos Mais de 100 anos
Vidro Verde Garrafas, copos e recipientes Indeterminado, podendo chegar a 1 milhão de anos
Orgânico Marrom Frutas, legumes Em média 3 meses

 

Existem outros materiais como a borracha, isopor, louças que não foram apresentados porém, podem ser reciclados, reutilizados e reduzidos conforme já mencionado. Fato é que apresentam tempo de decomposição indeterminado, prejudicando por muitos anos o meio ambiente.

 

Qual a influência da reciclagem para a sociedade?

Sabendo as formas de reciclar cada produto, descreveremos, abaixo, 5 principais vantagens que influenciam diretamente a sociedade:

  • Diminui a poluição (ar, água, solo);
  • Reaproveita materiais antes descartados;
  • Gera de empregos;
  • Utiliza racionalmente dos recursos naturais;
  • Melhora a qualidade de vida.

 

Revise todos os tópicos e cumpra as rotinas de reciclagem utilizando os produtos e materiais de limpeza da Olimpo. Você estará contribuindo para a natureza e garantindo o seu próprio futuro e de todos a sua volta.

 

 

 

Compre agora!
Fale com a Olimpo e encontre a
melhor solução para a sua limpeza